Home > Biotecnologia

Biotecnologia

Os principais setores que utilizam biotecnologia em seus processos são o de saúde, agrícola e industrial. Nesse cenário, o Brasil se destaca tanto como mercado como polo de desenvolvimento: possui o maior sistema de saúde pública do mundo com assistência a mais de 202 milhões de pessoas e consumindo cada vez mais produtos para doenças crônicas; traz consigo forte diferencial competitivo na produção de biomassa e uma biodiversidade riquíssima; além de resultados consistentes em produção científica - o Brasil apresenta a maior média de publicação de artigos científicos em biotecnologia se comparado com países do BRICS e também se iguala a média dos países da OCDE.

Considerado um setor estratégico para o desenvolvimento econômico brasileiro. A promoção da biotecnologia tem sido uma prioridade do governo brasileiro nos últimos anos, conforme evidenciam políticas industriais desde 2004. Além disso, é também considerado setor prioritário no direcionamento das políticas de inovação e no recebimento de funding tanto público ou privado. Entretanto as empresas que atuam no setor enfrentam desafios como a construção de uma legislação e marco regulatório, incluindo a ANVISA e CTnBio e a realização de pesquisas utilizando os recursos biogenéticos.

Como resultado da política de inovação nos últimos anos, foram criados laboratórios “estados da arte” que vêm garantindo a evolução da pesquisa e desenvolvimento em biotecnologia no país. Podemos citar LNBIO, LNS e CNPEM como exemplos bem sucedidos de inciativas de diferentes esferas do governo federal e estadual em parcerias com universidades. 

Nesse contexto, empresas multinacionais de biotecnologia se instalaram no país com objetivo de aprimorar suas pesquisas e desenvolver a indústria local. Para tanto, buscam se adaptar à legislação local que regulamenta a manipulação de micro-organismos e o acesso à biodiversidade.

 A atuação da Prospectiva nesse setor busca auxiliar algumas das principais empresas e associações empresariais no entendimento e construção de um marco regulatório.

Dentre os serviços prestados se destacam:

• Entendimento do cenário político de áreas específicas relacionadas à inovação, biotecnologia e biodiversidade;

• Desenho de modelos de negócios;

• Estruturação de parcerias com entidades governamentais;

• Defesa de interesses junto aos três poderes;

• Proposição de políticas públicas;